Gerbil x Compras mensais

Depois que você adquirir os gerbos e os itens mínimos necessários (os mais caros risos!) a manutenção será relativamente barata. Alguns itens são para consumo humano (e muito saudáveis!), então aproveite para melhorar a sua própria dieta 🙂 Vou listar os itens que uso semanalmente e mensalmente, tomando por base que você tenha uma dupla. Para não ser repetitivo quando eu citar “a regra das 24 horas”: Coloco o alimento para eles, o que não for consumido em 24 horas eu retiro para não estragar. Semanalmente: Couve: uma folha de couve a cada 2 dias. Geralmente eles dão conta da Leia mais… »

Meu Gerbil: Lorena

Cor: Pied Argente Cream Nascimento aproximado: Agosto de 2016 1ª ninhada: 13/02/2017 – 7 Filhotes Principais características: Menor que os demais Aparentemente mais rápida que os demais Picota papel toalha para fazer ninho Caça grilos vivos Encontra primeiro as saídas; Faz truques em troca de petiscos (semente de girassol é a preferida) Sobe na mão indicando que quer passear Mostra pouca paciência para ficar parada Dócil Ocorrências: Foi comprada um petshop com o irmão Fred; Foi apresentada ao Pierre e 4 dias após a apresentação entrou no CIO; Engravidou no primeiro cruzamento; Morreu em um acidente fatal em março de Leia mais… »

Gerbil x Grilo

Após algumas leituras sobre a criação de gerbos descobri que eles ainda preservam muitos traços da vida selvagem e esses traços fazem deles animais mais encantadore ainda. O mais claro e evidente traço de vida selvagem é o trabalho de CAVAR. Eles amam cavar, seja a forração, o cando da gaiola/terrário, o vidro, o tudo, enfim! Eles precisam CAVAR assim como tem gente que precisa de chocolate para continuar vivendo. Ok! Tem gente que não gosta de chocolate… Mas o gerbil ama cavar, blz? O territorialismo faz com que eles deem trabalho para aceitar novos membros no território. Tudo bem que Leia mais… »